Assine agora| Versão impressa
Publicado em 13/09/2018 às 22:16h - Atualizado em 12/09/2018 às 22:16h Por: Editores

Condenação do diretor da Uningá pelo TRF segue em silêncio


Site

Redação
revistaconexao.glup@gmail.com

 

Reportagem assinada por Walter Tele do Maringá Post no último dia 30 divulgou que, exatamente às 20h08 do último dia 24, foi disponibilizado no sistema eletrônico do Tribunal Regional Federal da 4ª Região a sentença do juiz substituto da 2ª Vara Federal de Maringá, Braulino da Matta Oliveira Junior, condenando por improbidade administrativa o diretor geral da Uningá, Ricardo Benedito de Oliveira, uma estudante de Medicina e a mãe dela.

A mesma postagem informa que  assessoria de imprensa da Uningá informou no dia 30 de agosto “que a instituição vai recorrer da decisão de primeira instância e que, tão logo o departamento jurídico conclua o seu parecer,  “vai tratar da questão como um todo” e que será distribuída uma nota para a imprensa. Como os endereços eletrônicos das plataformas da Editora On Line (Revista Conexão Paraná- RCP)  não registrou recebimento de nenhum comunicado até às 18 h de ontem (12) também aguardam para publicar. Leia a reportagem completa AQUI

 

 






Ver em PDF


Endereço
Rua Martin Afonso, 1587
Jd. Novo Horizonte - Sede Própria
WhatsApp
(44)99115.2018

E-mail
joelcardoso@globo.com

Telefone
(44) 3026-8585
A arte plástica em Maringá ocupa o espaço que merece?





Copyright© - Portal Glup
Central de Atendimento | Anuncie no Glup
JC Mantovan